sábado, fevereiro 12, 2011

DE BEIJÓS » AO ALGARVE - Lagos - Portugal

2010OUT20 - QUANDO AS MARAVILHAS DA NATUREZA NOS TRAZEM TRISTES RECORDAÇÕES
Há acontecimentos que, em certos momentos da nossa vida, nos impõem outras obrigações e nos desviam dos nossos projectos.
Os nossos planos para passar férias no Algarve, como vimos a fazer há já a alguns anos, foram subitamente alterados. Os Amigos que partiram e aqueles que com isso ficaram em sofrimento fizeram-nos palpitar o coração, com as tristezas que também nos assombraram.
Ver uns pela derradeira vez, para, em nossa mente, retermos a sua última imagem. Juntámo-nos aos que sofrem, para comungar também um pouco do seu sofrimento e procurar dar um pouco do nosso ânimo.
Todavia, a expectativa que chega a qualquer vivente de querer estudar o porquê das coisas, levou-nos mais longe.
Ainda que não tenhamos dado passos firmes para apurar o ponto exacto onde tudo terá acontecido, deslocámo-nos aos montes e às barreiras que a mãe natureza se encarregou de criar naquele maravilhoso lugar da Terra.
Estamos convictos que as belezas que a Natureza nos oferece não se destinam a extremas decisões de vida.
É sempre bom contemplar a obra de Deus.
É magnífico ver e rever com os nossos próprios olhos, enquanto pisamos o Planeta que habitamos, aqueles lugares maravilhosos que o Altíssimo colocou ao nosso dispor para também com elas esquecermos ou aliviarmos algumas agruras do quotidiano.
Os ares e as paisagens dos Oceanos são bons remédios para nos livrarem de algum stress.
Contudo, as belezas das paisagens, inesperadamente, acolhem também tristes recordações que nos impõem o afastamento de certos locais.
O que nos motivou a colher as fotografias foi o triste e súbito desaparecimento da nossa Saudosa Amiga Adelaide.
O que a chamou àquelas maravilhas da Ponta da Piedade, em Lagos, foi segredo que ela guardou muito bem no seu coração e que, por aquela porta de sua saída deste Mundo, com ela partiu para a Eternidade. Que Deus acolha a sua Alma na Sua Infinita Luz.
Porém, ganhámos coragem para colher imagens do cenário que ela reteve nos seus derradeiros momentos, como aqui difundimos.
video
Deixamos o pedido à Câmara Municipal de Lagos, para que estude uma forma eficaz de preservar aqueles maravilhosos espaços, que atraem muitos turistas, mas que providencie também uma forma de evitar a perda de vidas humanas, como, principalmente, ocorreram nos últimos dois anos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os seus comentários enriquecem a nossa prestação. Seja bem vindo. Obrigado pela sua colaboração.